sábado, 9 de novembro de 2013

MP tenta impor autonomia como supremacia

FLÀVIO DINO ACUSA PROMOTOR
O promotor Diaulas Ribeiro é o acusado encarregado de apurar o caso de Marcelo
NOTA: Na esteira ilustrativa das interpretações abusivas da lei que registramos nesse blog, o MP dá mais um exemplo da sua tentavia de transformar a sua autonomia em SUPREMACIA.  Não é uma confusão de conceitos. É a lenta imposição da tentativa de construir um poder acima de todos os poderes. O nome disso é ditadura. Vale a pena ler.
 
supremacia su.pre.ma.ci.a
sf (fr suprématie) 1 O poder supremo, perfeitamente independente e superior a todos os poderes. 2 Superioridade ou grandeza maior que todas as outras. 3 Hegemonia, preponderância, proeminência. 4 Sociol Poder de indivíduo, grupo social, consórcio ou povo, relativamente aos demais, em determinada área de competição econômica. 5 Direito que se arrogam os reis da Grã-Bretanha, considerando-se os chefes da Igreja Anglicana.
10:21:04

Pai de jovem que morreu no Hospital Santa Lúcia após crise asmática alega inércia do então titular da Pró-Vida. Ele está inconformado com o arquivamento de processo contra médica e técnica em enfermagem, mesmo após inquérito policial apontar erro.

Há quase dois anos, o estudante Marcelo Dino morreu, aos 13 anos, na unidade de terapia intensiva do Hospital Santa Lúcia. As desavenças sobre as causas da morte do menino, que sofria de asma, desenharam uma linha separando, em lados contrários, Diaulas Ribeiro, então titular da Promotoria Criminal de Defesa dos Usuários dos Serviços de Saúde (Pró-Vida), encarregado de apurar o caso, e Flávio Dino, pai do garoto. De lá para cá, os embates têm acontecido dentro de tribunais e órgãos de fiscalização da atuação do Ministério Público do Distrito Federal e dos Territórios (MPDFT).
LEIA AQUI NA ÍNTEGRA
Fonte: Blog do Sombra
Postar um comentário